Telefone

11 3434-6488

Palestras e Cursos

Zé na Mídia

Zé na Mídia - Clippings

Revista Rodobens - Janeiro de 2015

Revista do CRECI - Julho de 2014

Revista Venda Mais - Maio de 2014 

Jornal Pinhalense - Maio de 2014

Revista Dirigente Lojista - Matéria de Capa - Março de 2014

Revista Sescon - Fevereiro/Março de 2014

Folha de Londrina – Fevereiro de 2014

O Estado de São Paulo – Setembro/2013

Entrevista e Reportagem Revista Administrador Profissional – CRA/SP – Setembro/2013

Entrevista José Ricardo Noronha – Jornal da Globo 

Entrevista José Ricardo Noronha – TV CRECI / Temas: Redes Sociais – Agosto/2013

GlobalEnglish é destaque no Meio & Mensagem – Julho/2013

Clique aqui ou na imagem abaixo para ler a reportagem.

Entrevista Folha de Alphaville – Junho/2013

Entrevista Jornal Valor Econômico – Abril / 2013

Profissionais brasileiros têm um dos piores níveis de inglês do mundo

  • Por Letícia Arcoverde | Valor

SÃO PAULO - Os profissionais brasileiros têm um dos piores níveis de inglês do mundo, segundo um estudo da GlobalEnglish que mediu a habilidade com o idioma de mais de 200 mil funcionários de empresas nacionais e multinacionais ao redor do mundo que não têm o inglês como língua materna.

Dentre os 78 países analisados pela empresa de cursos de inglês corporativo, o Brasil ficou na 70ª posição. De 1 a 10, o país ficou com a nota 3,27, o que representa uma leve melhora em relação ao ano passado, quando registrou 2,95. A média deixa o Brasil entre os índices “iniciante” e “básico” – abaixo, inclusive, da América Latina, que ficou com a média de 3,38.

O Brasil fica bem atrás de outros emergentes como a China e de vizinhos como o Uruguai, ambos com nota 5,03, além de ficar longe de outros países lusófonos, como Portugal, com nota 5,47, e Angola, com 4,40. “Estamos muito aquém. Isso pode afetar incrivelmente a capacidade do Brasil de continuar atraindo investimentos de fora”, diz o diretor da GlobalEnglish no Brasil, José Ricardo Noronha. Outro problema está na capacidade de expansão de empresas brasileiras que crescem globalmente. “A gente enxerga que a falta de inglês impacta diretamente na produtividade e no aproveitamento dos talentos. Uma empresa que não fala a língua mundial dos negócios tem o seu potencial muito mais limitado”, diz.

O ranking é liderado pelas Filipinas, com nota 7,95. A média mais baixa é a de Honduras, 2,92.

Os países mais bem classificados em fluência da língua inglesa

Fonte: GlobalEnglish (*a pesquisa ouviu funcionários de empresas que não têm o inglês como língua materna)
PaísNota
Filipinas* 7,95
África do Sul* 7,68
Noruega 7,06
Holanda 7,03
Reino Unido* 6,81
Austrália* 6,78
Bélgica 6,45
Finlândia 6,39
Suécia 6,33
Índia* 6,32

A falta de familiaridade com o inglês de negócios atinge todos os níveis nas empresas, segundo Noronha, com a exceção de jovens de alto potencial que entram por programas como os de trainee. O diretor também não percebe diferença entre empresas brasileiras e multinacionais atuando no país. Para Noronha, os problemas gerados por essa incapacidade de falar o idioma vão desde a sobrecarga de profissionais que conseguem se comunicar em inglês até problemas pontuais de comunicação interna. “Muitos dos investimentos estratégicos, como de liderança ou treinamento, acabam se perdendo porque a absorção é comprometida”, diz o diretor.

Em todo o mundo, apenas 7% dos profissionais apresentam fluência no idioma, porcentagem similar à registrada no Brasil. Mesmo assim, eles sabem a importância de apostar na língua – 91% consideram a proficiência no inglês necessária para avançar na carreira e 94% consideram o “business English” fundamental para conseguir uma promoção. No Brasil, Noronha percebe mais profissionais e empresas preocupadas com a situação, mas acha que a execução ainda é falha – os profissionais ainda são muito reativos, esperando que a iniciativa parta da empresa, e as companhias acabam treinando poucos talentos, por causa do alto custo. “A falta de inglês ainda é um problema sistêmico, e precisa ser tratada de forma mais estratégica por todos”, completa.

Entrevista Jornal do Commercio – Abril de 2013

PESQUISA

Profissionais brasileiros estão na lanterna quando o assunto é nível de inglês. Perdemos, inclusive, para os emergentes Rússia, China e Índia

Publicado em 29/04/2013, às 07h00

Raissa Ebrahim

Inglês ruim oferecido nas escolas influencia na formação dos alunos

Os profissionais brasileiros têm um dos piores níveis de inglês do mundo. É o que mostra uma pesquisa da GlobalEnglish, especializada em softwares e soluções de inglês para negócios. De acordo com o terceiro e mais recente levantamento, num ranking de 78 países, ocupamos a 70ª posição.

De 1 a 10, obtivemos nota 3,27. Apesar de ser maior que os 2,95 registrados em 2012, na América Latina ficamos atrás de locais como Venezuela (3,39), Peru (3,88), Bolívia (3,92), Argentina (4,92) e Uruguai (5,03). Também perdemos para os emergentes Rússia (3,95), China (5,03) e Índia (6,32).

Na opinião do diretor da GlobalEnglish no Brasil, José Ricardo Noronha, o nível muito baixo de inglês pode afetar a nossa capacidade de atração de investimentos e de produção dentro das empresas, além de influenciar a capacidade de companhias nacionais e multinacionais de aproveitar grandes talentos.

“São efeitos adversos para quem quer investir. Aumentar o nível de inglês é um componente muito importante no desenvolvimento pessoal e profissional”, diz ele.

O resultado, lembra Noronha, está intimamente ligado ao baixo investimento que o Brasil faz na área educacional, inclusive na educação corporativa.

Para ele, ainda temos um gap (lacuna) muito grande para nos inserimos num mundo em que a educação é tida como mola propulsora do desenvolvimento. “Por incrível que pareça, o inglês ainda é tido como um diferencial no Brasil”, observa.

A GlobalEnglish também mostra que, ao redor do globo, apenas 7% dos profissionais possuem um nível avançado de inglês. Trinta por centro estão entre o nível alto e intermediário e outros 30% foram identificados como iniciantes, percentual este acima dos 38% captados em 2011.

O levantamento foi realizado em dezembro de 2012 com mais de 137 mil funcionários de diversas empresas.

Entrevista ao Portal FIA – Novembro / 2012

Jornal Terex / Demag – Novembro de 2012

Clique aqui ou na imagem para ler a reportagem que aborda uma grande Palestra do José Ricardo Noronha na Convenção de Vendas de 2012 da Terex Demag.

Artigo Club do Vendedor: “O Empreendedorismo e as Vendas” – Novembro de 2012

Clique aqui para acessar o artigo no Club do Vendedor ou aqui para fazer o download do artigo em PDF.

Jornal O Globo – Setembro / 2012

Estadão – Caderno PME – Setembro / 2012

Entrevista com Jae Lee – Presidente do Grupo Ornatus.

Entrevista José Ricardo Noronha Podcast FIA sobre o lançamento do livro e o fascinante universo das vendas – Setembro/2012

Reportagem Portal Couromoda – Agosto de 2012

Clique aqui ou na foto abaixo.

Entrevista Jornal Valor Econômico – Agosto de 2012

Reportagem Infomoney – Fluência em Inglês é problema para executivo brasileiro

Clique aqui ou na imagem abaixo.

Artigo Club do Vendedor: “Você já ouviu falar ou conhece algum Líder Nível 5?” – Junho de 2012

Clique aqui para acessar o artigo no Club do Vendedor ou aqui para fazer o download do artigo em PDF.

Artigo Club do Vendedor: “Aviso aos Líderes” – Maio de 2012

Clique aqui para acessar o artigo no Club do Vendedor ou aqui para fazer o download do artigo em PDF.

Jornal do Parabrisa – Abril de 2012

Jornal do Parabrisa da minha querida São João da Boa Vista deu grande destaque à minha entrevista à Revista VendaMais de Março de 2012. Clique aqui para acessar a Entrevista ouclique aqui para baixar o PDF da Entrevista. Boa leitura!

Artigo Club do Vendedor: “Prazer, eu sou Vendedor!” – Abril de 2012

Clique aqui para acessar o artigo no Club do Vendedor ou aqui para fazer o download do artigo em PDF.

E tem um caipira vendedor e palestrante no “Estado de São Paulo” de 28/03/2012 … Anúncio da Palestra José Ricardo Noronha no Teatro CIEE dia 10/04/2012 (faça sua inscrição clicando na imagem abaixo)

Artigo Club do Vendedor: Produtos “Premium”. Vendedores “Standard”. – Março de 2012

Clique aqui para acessar o artigo no Club do Vendedor ou aqui para fazer o download do artigo em PDF.

Entrevista à Revista VendaMais – Março de 2012

É com imensa alegria que compartilho com vocês a minha entrevista ao Raul Candeloro da Revista VendaMais, que é a maior e mais importante publicação da Área de Vendas do Brasil. Clique aqui para fazer o download da Entrevista em PDF ou clique no link abaixo:

http://www.vendamais.com.br/artigo/51068-jose-ricardo-b-noronha.html

Um grande abraço,

José Ricardo Noronha

Entrevista ao “Jornal da Cidade” de Santana de Parnaíba – Fevereiro de 2012

É com grande alegria que compartilho com todos uma entrevista que concedi ao “Jornal da Cidade” de Santana de Parnaíba, cidade e comunidade que há 8 anos acolheram a mim e à minha família com tanto carinho e amor. Clique aqui ou na imagem abaixo para fazer o download da entrevista. Ficarei muito feliz em ouvir seus comentários.

José Ricardo Noronha

“Club do Vendedor” publica artigo de autoria de José Ricardo Noronha – Janeiro de 2012

Club do Vendedor publicou esta semana um artigo de minha autoria sobre o tema “Personal Branding“.  Clique aqui para fazer o download do artigo em PDF. Aliás, é com enorme satisfação que informo a todos que passo a integrar a partir de agora o Quadro de Articulistas do Club do Vendedor. Conto desde já com o prestígio da sua leitura e comentários.

“Jornal da Cidade” de Santana de Parnaíba dá destaque e recomenda o livro “Vendedores Vencedores” – Janeiro de 2012

Entrevista TV União – Região 2000 – Dezembro de 2011

No final de Dezembro/2011, fui o convidado especial do Jornalista Antonio Luiz Magalhães no Programa Região 2000 da TV União, quando falamos sobre o lançamento do meu livro “Vendedores Vencedores”. Os links para os vídeos estão logo abaixo.

Parte 1:

Parte 2:

Parte 3:

Site “Club do Vendedor” dá destaque e recomenda o livro “Vendedores Vencedores” – Dezembro/2011

Revista Viva de Alphaville, Granja Viana e Região dá destaque ao lançamento do Livro “Vendedores Vencedores” – Dezembro/2011

Íntegra da entrevista ao Consultor e Educador Eugenio Mussak no Programa “Papo de Líder” da Rádio Estadão ESPN – 12/12/2011

Vídeo – Parte 1:

Vídeo – Parte 2:

Áudio da entrevista ao Eugenio Mussak – Programa “Papo de Líder”

Reportagem no Jornal “O Município” de São João da Boa Vista – 10/12/2011

Melhores momentos Entrevista Eugenio Mussak – “Papo de Líder” – 09/12/2011

Queridos amigos e amigas, vejam abaixo um pequeno vídeo com os melhores momentos da minha entrevista ao Educador e Consultor Eugenio Mussak no Programa “Papo de Líder” da Rádio Estadão ESPN do dia 10/12/2011.

Site Profuturo – Programa de Estudos do Futuro – FIA – Dezembro/2011

José Ricardo Noronha, ex-aluno do MBA Executivo Internacional da FIA, lança o seu primeiro livro: “Vendedores Vencedores”

Entrevista Eugenio Mussak – “Papo de Líder” – 05/12/2011

Hoje eu fui entrevistado pelo amigo, educador e consultor Eugenio Mussak. A entrevista vai ao ar no Sábado (10/12/2011) às 07h30min da manhã no Programa “Papo de Líder” da Rádio Estadão ESPN (FM 92,9 – AM 700). Falamos sobre o mundo das vendas, Inglês para empresas e profissionais e sobre o lançamento do meu primeiro livro. E falando no livro, algo me diz que amanhã será um “GRANDE DIA”. Fiquem ligados!!

Jornal O Município – São João da Boa Vista – Setembro/2011


Galeria de imagens

Entre em Contato

Endereço

Av. das Nações Unidas, nº 8501

17o andar

Bairro Pinheiros

CEP: 05.425-070

São Paulo - SP

Contato

vendas@paixaoporvendas.com.br

11 3434-6488